Sexta, 04 Setembro 2020 16:00

Dr. Wágner Dantas é o novo Presidente do TJD de Futsal/RJ

Escrito por Felipe Mirabelli

O Presidente promete lutar para montar uma estrutura de tribunal diversificada

 

       Nesta quarta-feira, dia 02/09, houve a eleição para determinar o novo presidente do Tribunal de Justiça Desportivado Futebol de Salão do Rio de janeiro. O Dr. Wágner Vieira Dantas foi eleito de forma unânime pelos 9 auditores indicados pelas entidades que estão descritas no CBJD para formar o Pleno do Tribunal. A reunião para a votação durou cerca de uma hora, e foi transmitida pela canal oficial da federação FutsalRJ TV ao vivo.

         O TJD-FS/RJ é uma entidade autônoma e independente, tem sede na Capital do Estado do Rio de Janeiro, e com jurisdição em todo seu território, é o órgão máximo da Justiça Desportiva de Futebol no Estado do Rio de Janeiro. É um órgão que constitui um dos poderes da FFSERJ, ele é autônomo, independente, porem mantido pela Federação de cada modalidade. Tem a função de aplicar sanções disciplinares, pedagógicas, nas infrações disciplinares previstas no Código Brasileira da Justiça Desportiva (CBJD). Esse código também preve a estruturação do Tribunal, de toda a Justiça Desportiva para cada modalidade.

         O Tribunal Pleno do TJD de Futebol de Salão/RJ é constituído por 9 (2 indicados pela FFSERJ, 2 pela OAB-RJ, 2 pelo Sindicatos dos Atletas, 2 pelos clubes filiados e 1 pelos representantes dos árbitros) Auditores efetivos, todos necessariamente Bacharéis em Direito e conhecido saber jurídico desportivo, com mandatos de 4 anos, reconduzidos na forma da Lei n. 9615/1998 e suas alterações, conforme a Lei n. 9981/2000.

         O novo Presidente Dr. Wágner Dantas nos informou como se sentiu ao saber que foi eleito para o cargo:

         “Foi uma surpresa. Meu vice presidente, Dr. Dário Corrêa, que é o indicado da OAB-RJ, foi quem indicou o meu nome para o Dr. Leonardo Rangel (ex presidente). E aí, tive essa graciosidade do meu nome ter sido indicado por unanimidade pelos membros do TJD.”

         Dr. Wágner fez questão de ressaltar os seus primeiros objetivos como presidente:

         “ - Meu primeiro passo é montar uma estrutura de Tribunal diversificada. Enquanto fui procurador de Justiça Desportiva, eu fui o primeiro Procurador Geral do Brasil a nomear uma Procuradora transexual. Meu objetivo é quebrar esses preconceitos, esses paradigmas, dentro do TJD.”

         “ - O segundo ponto é que eu já tenho projetos para que juntos com os clubes possamos desenvolver trabalhos educacionais voltados para a conscientização. O futsal do RJ é um dos mais indisciplicares dentre outras modalidades de esportes. É o que tem mais súmulas por indisciplina. São cerca de 15 à 25 súmulas por semana com relatos de árbitros sobre indisciplina de atletas. E não são somente indisciplinas dos atletas adultos são de atletas de 9, 10, 11, 14 e 16 anos anos, atletas que estão em plena formação de caráter.”

Felipe Mirabelli

Assessor de Imprensa

Ler 393 vezes