Quinta, 20 Dezembro 2018 22:56

De virada, Olaria vence o Piedade e conquista o Estadual - Adulto

Escrito por
Avalie este item
(1 Votar)

Foi com emoção até o fim que o Olaria conquistou o Campeonato Estadual - Adulto na noite desta quarta-feira, 19, no Ginásio Álvado da Costa Melo, na Zona Norte do Rio. Fechando a série de finais da temporada, o Azulão da Rua Bariri encarou o Piedade pelo jogo de volta e venceu pelo placar de 5 a 4. Na ida, as equipes haviam ficado no 4 a 4.

O cartão de visitas de um grande jogo ocorreu logo com 10 segundos de bola rolando, quando Reinaldo foi lançado na frente e bateu por cima, tirando tinta do travessão e quase marcando para o Olaria. A reposta do Piedade saiu minutos depois com Mateus, que tabelou com Douglas e mandou com muito perigo.

Com a partida agitada, o Azulão da Rua Bariri voltou a assustar em forte chute de Valter, defendido pelo goleiro Rafael, aos sete. Dois minutos depois, a equipe visitante acabou abrindo o placar com Pedrinho. Ele fez jogada individual pela esquerda e finalizou para estufar a rede olariense. Menos de 30 segundos depois, saiu outro gol. Novamente o camisa 10 fez a jogada e, desta vez, tocou para Marcelo completar: 2 a 0 Piedade.

Parecia ser a noite perfeita para o time do técnico Bruno Castanha. Porém, aos poucos o Olaria foi se recuperando e descontou aos 12 minutos, após Jansen receber de Douglas e tocar na saída do goleiro. Aos 17, enfim, os donos da casa igualaram a contagem. Valter achou Reinaldo, que tocou para o fundo do gol: 2 a 2.

A volta do intervalo manteve o confronto frenético. Com 30 segundos, o Piedade tratou de reassumir o controle do placar. Victor recebeu de Mateus na ala esquerda e tocou para Marcelo marcar o terceiro. Sem desistir, o Olaria seguiu correndo atrás do prejuízo e voltou a empatar com Reinaldo, após bate-rebate na área, aos cinco minutos.

Embalado com a boa presença de sua torcida, a equipe da Rua Bariri foi para cima e ficou no quase aos 14. Douglas avançou pela direita e fez cruzamento rasteiro; Thomaz entrou com liberdade pela esquerda, mas não alcançou por pouco. Logo depois, a virada aconteceu. Em bola dividida, Douglas pegou a sobra e girou batendo: 4 a 3 Olaria.

O tempo corria e a partida ficava cada vez mais tensa. A equipe treinada por Zé Carlos abriu dois gols de vantagem aos 17, quando Reinaldo fez jogada pela direita e tocou para Marcelino bater: 5 a 3. No minuto seguinte, o Piedade descontou com Douglas e foi partiu para o tudo ou nada, pressionando até o fim. Contudo, o Olaria se segurou e ficou com a taça.

Assessoria de imprensa

Ler 709 vezes Última modificação em Quinta, 20 Dezembro 2018 23:14

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.